Início Eco SC Mês do Meio Ambiente: Estudantes participam de oficina sobre o manejo do...

Mês do Meio Ambiente: Estudantes participam de oficina sobre o manejo do pinhão

46
0
COMPARTILHAR

Lages – SC  – Um dos pontos fortes da programação do Mês do Meio Ambiente são as oficinas realizadas entre a comunidade, levando mais conhecimento sobre a Mata Atlântica aos grupos selecionados. Nesta terça-feira (20) foi a vez dos estudantes do curso de Agroecologia do Instituto Federal de Santa Catarina (IFSC) participarem da atividade, que contou com uma palestra seguida por uma dinâmica sobre a cadeia produtiva do pinhão na Serra Catarinense.

De acordo com a bióloga da Secretaria de Serviços Públicos e Meio Ambiente, Michelle Pelozato, o tema da programação voltado para a preservação da Mata Atlântica trouxe à tona debates e reflexões sobre o bioma em suas diversas formas, assim como a araucária, em abundância na região mais fria do país.

A oficina foi promovida pelo Centro Vianei, uma Organização Não Governamental (ONG) que trabalha há cerca de 40 anos com agricultura familiar agroecológica na região serrana. A palestrante foi a técnica Carol Couto e, ao final da oficina, todos participaram de uma degustação de pratos à base de pinhão, ao som de músicas regionais. “A intenção foi trazer informações sobre o bioma para que os estudantes possam interagir melhor e propor metas para o Plano Municipal de Preservação da Mata Atlântica, assim como o incentivo ao melhor aproveitamento do pinhão na região como incremento da renda dos pequenos agricultores”, explica Michelle.

 

Programação segue com outras atividades

O Mês do Meio Ambiente contou com diversas atividades desde seu início, com sessões especiais de cinema, plantio de árvores nativas em pontos estratégicos da cidade, espetáculo de teatro nos Centros de Educação Infantil Municipal (Ceims), entre outras.

Dentro da programação ainda estão previstas outras oficinas, com públicos diferentes. Nesta quarta-feira (21) será a vez dos professores da rede municipal de ensino, que trabalham na disciplina Sustentabilidade, se encontrar para a atividade, no Centro Ambiental Ida Shimidt, no Tanque, a partir das 13h30. “Vamos suprir os educadores com bastante material didático, para que possam trabalhar o tema Mata Atlântica em sala de aula”, afirma a bióloga.

No sábado (24) a oficina “O Potencial das Frutas da Mata Atlântica” será realizada no Instituto Federal de Santa Catarina (IFSC), aberta para toda a comunidade, com a expectativa de participação de agricultores da localidade de Macacos, no interior do município. Nesta oficina também serão elaborados pratos típicos, geléias e sucos, aproveitando o sabor das frutas nativas da região.

No dia 29, uma quinta-feira às 19h30 na Câmara de Vereadores, haverá uma palestra sobre as Reservas Particulares do Patrimônio Natural (RPPNs) em Santa Catarina, também aberta ao público.

O encerramento da programação será com a Pedalada Ecológica, com saída da Praça Joca Neves sentido Parque Natural, no dia 1° de julho, um sábado. “Muitos ainda não sabem como é o bioma da Mata Atlântica e que espécies encontramos na região. Este conhecimento é muito importante para incentivar a preservação, principalmente daquelas que estão ameaçadas de extinção, como a araucária, o papagaio-charão, gralha azul e muitas outras”, finaliza Michelle.

(Foto: Toninho Vieira)

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here