Início Reciclagem Banco da Natureza inaugura sua primeira agência em Minas

Banco da Natureza inaugura sua primeira agência em Minas

61
0
COMPARTILHAR

A proposta da empresa é implementar a coleta seletiva de lixo por meio de ferramentas educativas e motivacionais, exaltando os valores socioambientais

Imagine um banco com sua agência, contas e moedas, mas que, ao invés de investimentos econômicos, oferece investimentos ecológicos. Essa é a proposta do Banco da Natureza, que inaugura sua primeira agência no dia 9 de julho, em Itapecerica (MG).

O projeto, com investimento inicial de R$300 mil, contará uma festa de inauguração para reunir a comunidade com a presença do super-herói da reciclagem “Lixico”, embaixador do evento. Ele será o responsável por acionar, por meio de um aplicativo, o sistema inaugural do Banco da Natureza. Assim será dada a largada para que os moradores criem suas contas e comecem a reciclar, levando até a agência o resíduo a ser beneficiado ou recebendo a coleta em domicilio.

Para dar uma destinação correta aos materiais recicláveis, o Banco da Natureza criou a Casa da Moeda Ecológica do Brasil. A estrutura recebe e armazena os materiais sólidos recicláveis. Já na agência, local onde se localiza a sede do Banco, o cliente pode abrir a sua conta. Cada cadastro é feito com identificação numérica da residência ou empresa participante da coleta seletiva. Para isso, o Banco possui um sistema desenvolvido com exclusividade para o projeto.

No Brasil, pouco mais de mil municípios destinam seus resíduos para reciclagem, de acordo com a pesquisa realizada pelo Compromisso Empresarial para a Reciclagem (Cempre). No Sudeste, apenas 41% dos municípios realizam a coleta seletiva.

“Para motivar e gerar interesse da comunidade para a reciclagem, desenvolvemos táticas personalizadas. Com as moedas ecológicas – créditos recebidos em troca do lixo reciclável – cada pessoa ou empresa pode iniciar um investimento no Banco Da Natureza. As contas geram benefícios em troca”, explica o idealizador e presidente do Banco da Natureza, Elias Pedrosa.

Com essa iniciativa inovadora, a empresa promove a integração da sociedade, associações ou cooperativas de catadores, empresas e administração pública em favor de uma coleta seletiva eficaz, organizada, consciente e sustentável. Além disso, o Banco da Natureza proporciona palestras educacionais em escolas públicas, enquanto planeja expandir suas agências para outras cidades.

 

Conheça as modalidades de contas e formas de investimento do Banco da Natureza:

Conta Verde Vida: ao abrir a Conta Verde Vida, o cliente faz um cadastro que origina a identificação numérica de sua residência (correspondente ao seu endereço) participante da coleta seletiva do Banco da Natureza.

Conta Empresarial Verde Ouro: é destinada as empresa cadastradas como participantes da coleta seletiva do Banco da Natureza.

Conta Especial Verde Ouro: aconta destina-se exclusivamente aos clientes catadores organizados em cooperativa ou associação credenciada pelo Banco da Natureza. As moedas ecológicas, que valem pontos ecológicos (PECs), são depositadas diretamente na conta Especial Verde Ouro pelas cooperativas ou associações de acordo com a quantidade de materiais recicláveis entregues pelos catadores associados.

Conta Municipal Verde Ouro: conta que representa a Prefeitura castrada como parceira municipal.

Conta Poupança Esperança: a conta está vinculada à “Conta Verde Vida” e “Empresarial Verde Ouro”, que prevê rendimentos e está aberta para crianças, jovens e adultos, desde que estejam conectados ao titular da “Conta Verde Vida”, representada por uma residência ou empresa.

Fundo Verde de Ações Produtivas: modalidade oferecida apenas aos titulares das contas Verde Ouro (Empresarial Verde Ouro, Especial Verde Ouro e Municipal Verde Ouro). O cliente pode fazer um investimento no Fundo Verde de Ações Produtivas utilizando o saldo de Pontos Ecológicos (PECs) da conta corrente.

Bolsa de Valores Socioambientais: modalidade oferecida apenas aos titulares das contas Verde Ouro (Conta Empresarial Verde Ouro e Conta Municipal Verde Ouro). O cliente pode fazer um investimento na Bolsa de Valores Socioambientais utilizando o saldo de Pontos Ecológicos (PECs) da conta corrente.

Títulos de Capitalização Ações do Futuro: é um título com numeração premiável para sorteio de brindes (computadores, bicicletas, etc.). O cliente adquire este título a cada 1.000 (mil) pontos ecológicos (PECs) apurados em depósito de moedas ecológicas em sua “Conta Poupança Esperança” do Banco da Natureza.

Ações Produtivas do Banco da Natureza: a cada um milhão de (PECs) investidos no Fundo Verde de Ações Produtivas o titular pode conquistar uma Ação Produtiva do Banco da Natureza. Ao totalizar mil Ações Produtivas do Banco da Natureza o titular conquistará um Selo de Qualidade Diamante Verde

Selo Qualidade Diamante Verde: mérito exclusivo de reconhecimento socioambiental emitido pelo Banco da Natureza.

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here